segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Modificações corporais na gravidez.

Alterações corporais durante a gravidez
Durante o desenvolvimento embrionário e até o final da gestação a mulher passa por varias modificações corporais , modificações essas que ora visíveis e outras somente a nível sistemicos , para proporcionar ao feto melhores condições de vida intra uterina. Vejamos algumas alterações.
As adaptações maternas são atribuídas às hormonas da gravidez e às pressões mecânicas provocadas pelo aumento do útero e de outros tecidos. Estas adaptações protegem o funcionamento fisiológico normal da mulher, respondem às necessidades metabólicas que a gravidez impõe ao corpo da mulher, e satisfazem as necessidades de crescimento e desenvolvimento do feto.

Dá-se o crescimento acentuado do útero em resposta aos estímulos produzidos pelos níveis elevados de estrogéneos e progesterona, no primeiro trimestre da gravidez, e em resposta à pressão mecânica exercida pelo feto em crescimento posteriormente. O útero sofre mudanças em tamanho, forma e posição. As paredes musculares fortalecem e tornam-se mais elásticas. Na altura da concepção, o útero tem a forma semelhante a uma pêra invertida. Durante o segundo trimestre é esférico ou globoso. Mais tarde, à medida que o comprimento do feto aumenta, o útero torna-se mais largo e ovóide e ultrapassa os limites da pélvis para a cavidade abdominal.

Ocorre aumento do abdómen que pode ser mais ou menos evidente conforme o tonus muscular abdominal e a postura da grávida.

Outra alteração durante a gravidez é nas mamas. Cerca das 6 semanas de gestação, as mamas ficam túrgidas, muito sensíveis, mais dolorosas e mais pesadas. A sensibilidade das mamas varia desde ténue ate à dor aguda. Os mamilos e a auréola tornam-se mais pigmentados, dando-se o aparecimento de uma 2ª auréola de cor rosada e os mamilos tornam-se mais erécteis. O crescimento das glândulas mamárias provoca um aumento progressivo do volume e tamanho das mamas.

Ao nível do sistema tegumentar as alterações corporais de carácter geral englobam aumento da espessura de gordura subcutânea, hiperpigmentação, crescimento das unhas e cabelo, aceleração da actividade das glândulas sebáceas e sudoriperas e aumento da circulação e da actividade vasomotora. Verifica-se uma maior fragilidade dos tecidos da pele, o que origina o aparecimento de estrias gravidicas ou marcas de estiramento.

Estas alterações que gradualmente se vão dando no corpo, acrescidas do aumento de peso que se verifica, condicionam na grávida, alterações marcadas na postura e no andar. A grande distensão abdominal que a empurra para a frente, a diminuição do tónus muscular abdominal e o aumento de peso que se verificam exigem um realinhamento das curvaturas da coluna vertebral. O centro de gravidade da mulher desloca-se para a frente. A curvatura lombo-sagrada acentua-se, e no sentido de manter o equilíbrio, acentua-se também de forma compensatória a curvatura da região cérvico- dorsal. O aumento do volume das mamas e a posição mais inclinada dos ombros, acentuam as curvaturas dorsais e lombares. A locomoção torna-se mais difícil e o andar bombaleante é bem patente.

Ocorre um ligeiro relaxamento e aumento de mobilidade das articulações pélvicas. Esta adaptação permite o aumento das dimensões pélvicas.

Há também uma outra série de adaptações no corpo durante a gravidez, que não são visíveis fisicamente, elas são ao nível do sistema gastrointestinal, endócrino, nervoso, renal, cardiovascular e respiratório, esta ultima é mais ou menos visível com o aumento da caixa torácica.

Todas estas adaptações são, como já se disse, essenciais para um correcto funcionamento fisiológico da mulher, para responder as necessidades metabólicas impostas pela gravidez e para garantir o necessário para assegurar o crescimento e desenvolvimento do feto ( texto fonte http://nosnacomunicacao.com.sapo.pt/Alteracescorporaisduranteagravidez.htm )

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Série Vida no Ventre. Fasc. II


A ausência na menstruação, inchaço nos seios, instabilidade emocional, dentre outros, são os primeiros sinais e sintomas que deixam transparente que a concepção aconteceu .
Depois do óvulo fecundado, leva-se aproximadamente 7 dias para ele se implantar no útero, e então se tornar um embrião e iniciar o processo de divisão celular.Durante esse processo o organismo feminino começa a apresentar algumas reações como já foram citadas a cima no qual é muito comum em mulheres que estão nos primeiros meses de gestação. O embriao em fase inicial de formação e divisão celular , se forma ocultamente , é nessa fase que os especialistas advertem ás futuras mamães não tomarem nehuma medicação , para nao interferir na formação dos orgãos vitais do embrião, bem como se estende ate o terceiro mês de gestação.
Existe uma indagação por muitas gestantes , o porque das nauseas e vomitos até aproximadamente o final dos três primeiros meses . Isso se dá devido uma toxina liberada no momento da implantação do ovo no útero , toxina essa em muitas gestante produzindo efeito colateral indesejado em forma de enjoos e nauseas. Como todo organismo , nem tudo que faz mal pra um produz mesmo efeito a outros , e essa a razão pela qual algumas gestantes nao sentem absolutamente nada na gravidez.
Esse é só o primeiro mês , ainda temos um longo e maravilhoso caminho pela frente , são nove meses de pura e intensa produção de enzimas ,células , orgãos e tecidos que revestirão o organismo .
Continuamos no proximo fascículo.

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Serie :Vida no Ventre


O Pensador leva-nos a uma viagem magnífica ao centro do ventre materno e assim vamos falar sobre a Vida no Ventre.

A Série será exposta em fascículos , com linguagem de facil interpretação , através de breves resumos descorridos pela enfermeira Isabel Teixeira especialista em Obstetricia pela UFSCAR de São Carlos SP. Atuando na Maternidade da Santa Casa de Araraquara SP.

A Concepção.

Toda mulher saudável tem seu período fértil , onde seu organismo se prepara para formar uma nova vida. Isso se dá alguns dias depois do período chamado mestrual , onde o útero se descamando deixa se desprender as camadas internas em forma de fluidos de sangue por via vaginal.
O espermatozóide encontrando com o óvulo após esse período , se fundem e começam a formar um embrião com as características do homem e da mulher que o gerou. Esse é o grande momento chamado concepção. Momento sublime onde a vida se origina. Muitos espermatozóides gostariam de entrar no óvulo e se juntar ao mesmo e formar o ovo humano , porém somente um em meio a milhões consegue essa façanha.O coração do embrão é um dos primeiros orgãos a ser formados e seus batimentos ja podem ser vistos ou percebidos através de ultrassonografia após alguns dias. Então da-se inicio ao grande mistério da vida e de um modo terrível e maravilhoso tudo é formado dia após dia . Grandes cientistas ja tentaram sondar o desenvolvimento embrionário , mas ainda existem estruturas e mistérios que nao conseguiram ser desvendados .Isso é lindo. Ninguem melhor que o próprio autor da vida pra saber sobre ela.

Continuamos no próximo fascículo.

'O Pensador também é cultura '

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Lady Gaga causa polemica.


A cantora de 24 anos, conhecida por sua extravagância e por seus 'hits' planetários, foi o centro das atenções no domingo em Los Angeles, ao abocanhar oito prêmios e subir no palco usando um vestido feito com pedaços de carne crua.

Além do vestido, a polêmica cantora usava sapatos de salto alto de carne, um bife em forma de chapéu e uma bolsa de mão, também feita de carne, que ela entregou à cantora Cher no momento de receber o prêmio de melhor vídeo por "Bad Romance".

"Lady Gaga passa por maus momentos tentando chamar a atenção", considerou a associação Peta, que luta contra os maus tratos aos animais. "Alguém devia dizer a ela que o açougue tende a repugnar mais do que impressionar".

"O bife é a carne em decomposição de um animal mal tratado, que não queria morrer, e depois de um tempo sob os holofotes, deve ter cheirado como carne em decomposição e ficado cheio de vermes", acrescentam os porta-vozes da associação.

Lady Gaga explicou na segunda-feira em um 'talk-show' americano que essa roupa podia gerar "várias interpretações".

fonte . http://cade.search.yahoo.com/search?cs=bz&p=lady+gaga&fr=fp-tts-707&fr2=ps