segunda-feira, 29 de novembro de 2010


Série Vida no Ventre

Vamos ao terceiro mes de gestação.


Sintomas, sinais e sensações
Importante: você pode apresentar todos ou somente alguns dos sintomas descritos. Além de alguns sintomas que continuam do mês passado.
Físicos:
Cansaço e sonolência;
Vontade de urinar com frequência;
Náusea, vômitos e salivação excessiva;
Prisão de ventre;
Âzia e dificuldade de digestão;
Repulsa ou desejo por certos alimentos;
Modificações no seio (inchaço, sensação de adormecimento, pesadêz, formigamento, escurecimento das aréolas, aparecimento de pequenas veias de cor azul sob a pele, devido ao aumento de irrigação sanguínea no seio);
Possíveis dores de cabeça, às vezes desmaios e tontura;
As roupas começam a ficar ligeiramente estreitas na cintura e no seio, o abdomen pode parecer um pouco aumentado;
Aumento do apetite;
Algumas veias ficam mais visíveis, devido ao aumento no volume de sangue.
Emotivos:
Instabilidade emocional, similar à TPM (sindrome pré-menstrual): como por exemplo, maior irritabilidade, mudanças repentinas de humor, vontade de chorar;
Apreensão, medo, alegria, excitação;
Períodos de extrema calma e serenidade.

Como seu Bebê Cresce dentro de Você
Inicia-se a formação das pálpebras:
Entre a nona e a décima semana a cabeça do feto já está bem delineada, aparecendo um tanto quanto desproporcionada em relação ao resto do corpo. Neste período se formam as pálpebras que irão proteger os globos oculares.

Um desenvolvimento rápido:
Já começam a se desenvolvendo outros orgãos, o sistema circulatório e urinário já estão funcionando, os orgãos genitais já se desenvolveram e os lineamentos do rosto já estão modelados. No final da 10a.-11a. semana, aparecem sob a derme as terminações nervosas, e o feto já consegue reconhecer os sons maternos da respiração, dos batimentos cardiacos e da voz.
Move as mãos e os pés, e abre a boca:
Os músculos e as articulações consentem ao feto fazer seus primeiros movimentos, na ponta dos dedos se visualizam as unhas, e ele começa a movimentar-se bastante suas mãozinhas e pezinhos, em continuos movimentos de abrir e fechar. Também já pratica a sucção, engolindo líquidos à sua volta..
Qual é o aspecto do bebê:
Próximo ao final do terceiro mês, o feto já aumentou de tamanho, chegando a medir cerca de 6,25 a 7,5 cm e pesa aproximadamente 14 a 18 gramas.
Qual é o aspecto da mamãe:
Ao final do terceiro mês, sua barriga se notará muito pouco, mesmo se você já teve um aumento de peso aproximadamente de 2 quilos. Ao contrário de seus seios que devem ter aumentado bastante a ponto de você precisar aumentar a numeração de seu sutiã.

Algumas Possíveis Preocupações
Prisão de Ventre:
Frequente na grande maioria das gestantes, a prisão de ventre é um sintoma comum na gravidez, provocada por alguns fatores de ordem hormonal (que provocam um processo digestivo mais lento e menos eficiente) e pela compressão causada pelo utero em crescimento sobre o intestino, que impede um funcionamento normal. Algumas dicas podem aliviar este problema, como: inclua mais fibras na sua alimentação (frutas, verduras cruas, cereais); "afogue" seu inimigo com muita água; e faça alguma atividade física moderada, como caminhadas ou natação para gestantes.
Gazes:
Este sintoma tão frequente na gravidez, pode ser suavizado seguindo as mesmas orientações que você vai ouvir para muitos outros sintomas: ao invés de fazer 3 refeições diárias abundantes, faça 6 refeições menores; mastigue bem e devagar evitando engolir ar junto com a comida; diminua a quantidade de alimentos que normalmente já causam a sensação de inchaço (couve-flor, cebolas, feijões).
Aumento de Peso:
Nenhuma mulher é igual a outra, e isso vale também para o aumento de peso na gravidez. Existem mulheres muito magras que não aumentam quase nada, e outras já um pouco acima do peso normal que aumentam demais logo no início da gravidez. O certo é um aumento de peso que varie de 900 a 1800 gramas no primeiro trimestre da gravidez. Para uma mulher de estatura média, os médicos recomendam um aumento de peso durante toda a gravidez de 9 a 13,5 quilos, o que possibilitaria inclusive uma gravidez mais saudável, um parto mais tranquilo, e uma recuperação e volta à forma física mais rápida. Calcula-se o ritmo deste aumento de peso da seguinte forma: no primeiro trimestre, uma gestante de peso médio deveria aumentar cerca de 1,3 a 1,8 quilos; no segundo trimestre, um aumento de aproximadamente 5,0 a 6,3 quilos, e no terceiro trimestre, um aumento de peso de 3,6 a 4,5 quilos. Esta é a fórmula ideal, mas nem sempre fácil de ser seguida. O importante é manter um aumento de peso constante, preocupando-se sempre com a qualidade dos alimentos de sua dieta, que sejam nutritivos e balanceados, e seguir o controle feito pelo seu obstetra, que é a pessoa mais indicada para equilibrar sua alimentação de acordo com o ritmo de sua gravidez e suas características físicas de peso e altura.
Distúrbios com o Sono:
Durante os primeiros meses da gravidez, é normal ter problemas de sonolência, principalmente de dia após as refeições. Acontece de você adormecer com facilidade nas horas mais impróprias, e durante a noite passar horas em claro sem conseguir conciliar o sono. A causa principal disso, são as profundas alterações hormonais, mas que deve desaparecer no início do segundo trimestre.

sexta-feira, 1 de outubro de 2010

Série : Vida no Ventre. Fac. III

Segundo mês de Gestação:

Este mês é especialmente crítico no desenvolvimento do seu bebê. Qualquer perturbação de drogas, vírus, ou fatores ambientais, tais como os pesticidas podem provocar malformações congênitas.

Desenvolvimento do seu bebê é muito rápido durante o segundo mês. Até o final do segundo mês, todo corpo do bebê e principais órgãos e sistemas, incluindo o cérebro, pulmões, fígado, e estômago, já estão em desenvolvimento.

As primeiras células ósseas aparecem durante este período. Pálpebras começam a crescer e permanecem fechadas. A orelha interna está formando. Tornozelos, pés, punhos, dedos e órgãos sexuais estão a se desenvolver.

No final do segundo mês de gestação, seu bebê se parece com um minúsculo bebê humano. Se for um menino, o pênis vai começar a aparecer. O bebê é um pouco mais de 28,35 gramas de comprimento. De agora em diante o bebê é chamado de feto.

O seu prestador de cuidados de saúde provavelmente irá verificar seu peso, sua pressão arterial, a sua urina, o açúcar e proteína, e o tamanho do seu útero. Você irá também discutir sobre a gravidez seus sintomas e quaisquer perguntas que você tiver. É útil escrever em algum lugar tudo que você quer discutir com o seu médico, para que você se lembre de perguntar sobre estas coisas durante as sua consulta.

Muitas mulheres "não se sentem ainda grávidas" durante estas primeiras semanas de sua gravidez. Isto é freqüente.

Também é normal que se sinta muito cansada, urine muitas vezes, sinta náuseas, vômito, excesso de saliva, azia, indigestão, flatulência, inchaço mudanças em seus peitos (plenitude, lassidão, maciez, formigamento, escurecimento da aréola), ocasional sensação de desmaio ou tonturas, sentir como se suas roupas estivessem muito apertadas em volta da cintura ou busto. Suas emoções são susceptíveis de ser semelhantes às que você estava sentindo no último mês: irritabilidade, irracionalidade, choro, desconfiança, medo e felicidade.

Nessa fase é muito importante conversar com o parceiro para que ambos curtam junto o turbilhão de transformações trancorridas . Conversar um com o outro, para que vocês trabalhem como uma equipe para em tempos difíceis saberem como se portar e resolver as coisas de uma melhor forma.

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Modificações corporais na gravidez.

Alterações corporais durante a gravidez
Durante o desenvolvimento embrionário e até o final da gestação a mulher passa por varias modificações corporais , modificações essas que ora visíveis e outras somente a nível sistemicos , para proporcionar ao feto melhores condições de vida intra uterina. Vejamos algumas alterações.
As adaptações maternas são atribuídas às hormonas da gravidez e às pressões mecânicas provocadas pelo aumento do útero e de outros tecidos. Estas adaptações protegem o funcionamento fisiológico normal da mulher, respondem às necessidades metabólicas que a gravidez impõe ao corpo da mulher, e satisfazem as necessidades de crescimento e desenvolvimento do feto.

Dá-se o crescimento acentuado do útero em resposta aos estímulos produzidos pelos níveis elevados de estrogéneos e progesterona, no primeiro trimestre da gravidez, e em resposta à pressão mecânica exercida pelo feto em crescimento posteriormente. O útero sofre mudanças em tamanho, forma e posição. As paredes musculares fortalecem e tornam-se mais elásticas. Na altura da concepção, o útero tem a forma semelhante a uma pêra invertida. Durante o segundo trimestre é esférico ou globoso. Mais tarde, à medida que o comprimento do feto aumenta, o útero torna-se mais largo e ovóide e ultrapassa os limites da pélvis para a cavidade abdominal.

Ocorre aumento do abdómen que pode ser mais ou menos evidente conforme o tonus muscular abdominal e a postura da grávida.

Outra alteração durante a gravidez é nas mamas. Cerca das 6 semanas de gestação, as mamas ficam túrgidas, muito sensíveis, mais dolorosas e mais pesadas. A sensibilidade das mamas varia desde ténue ate à dor aguda. Os mamilos e a auréola tornam-se mais pigmentados, dando-se o aparecimento de uma 2ª auréola de cor rosada e os mamilos tornam-se mais erécteis. O crescimento das glândulas mamárias provoca um aumento progressivo do volume e tamanho das mamas.

Ao nível do sistema tegumentar as alterações corporais de carácter geral englobam aumento da espessura de gordura subcutânea, hiperpigmentação, crescimento das unhas e cabelo, aceleração da actividade das glândulas sebáceas e sudoriperas e aumento da circulação e da actividade vasomotora. Verifica-se uma maior fragilidade dos tecidos da pele, o que origina o aparecimento de estrias gravidicas ou marcas de estiramento.

Estas alterações que gradualmente se vão dando no corpo, acrescidas do aumento de peso que se verifica, condicionam na grávida, alterações marcadas na postura e no andar. A grande distensão abdominal que a empurra para a frente, a diminuição do tónus muscular abdominal e o aumento de peso que se verificam exigem um realinhamento das curvaturas da coluna vertebral. O centro de gravidade da mulher desloca-se para a frente. A curvatura lombo-sagrada acentua-se, e no sentido de manter o equilíbrio, acentua-se também de forma compensatória a curvatura da região cérvico- dorsal. O aumento do volume das mamas e a posição mais inclinada dos ombros, acentuam as curvaturas dorsais e lombares. A locomoção torna-se mais difícil e o andar bombaleante é bem patente.

Ocorre um ligeiro relaxamento e aumento de mobilidade das articulações pélvicas. Esta adaptação permite o aumento das dimensões pélvicas.

Há também uma outra série de adaptações no corpo durante a gravidez, que não são visíveis fisicamente, elas são ao nível do sistema gastrointestinal, endócrino, nervoso, renal, cardiovascular e respiratório, esta ultima é mais ou menos visível com o aumento da caixa torácica.

Todas estas adaptações são, como já se disse, essenciais para um correcto funcionamento fisiológico da mulher, para responder as necessidades metabólicas impostas pela gravidez e para garantir o necessário para assegurar o crescimento e desenvolvimento do feto ( texto fonte http://nosnacomunicacao.com.sapo.pt/Alteracescorporaisduranteagravidez.htm )

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Série Vida no Ventre. Fasc. II


A ausência na menstruação, inchaço nos seios, instabilidade emocional, dentre outros, são os primeiros sinais e sintomas que deixam transparente que a concepção aconteceu .
Depois do óvulo fecundado, leva-se aproximadamente 7 dias para ele se implantar no útero, e então se tornar um embrião e iniciar o processo de divisão celular.Durante esse processo o organismo feminino começa a apresentar algumas reações como já foram citadas a cima no qual é muito comum em mulheres que estão nos primeiros meses de gestação. O embriao em fase inicial de formação e divisão celular , se forma ocultamente , é nessa fase que os especialistas advertem ás futuras mamães não tomarem nehuma medicação , para nao interferir na formação dos orgãos vitais do embrião, bem como se estende ate o terceiro mês de gestação.
Existe uma indagação por muitas gestantes , o porque das nauseas e vomitos até aproximadamente o final dos três primeiros meses . Isso se dá devido uma toxina liberada no momento da implantação do ovo no útero , toxina essa em muitas gestante produzindo efeito colateral indesejado em forma de enjoos e nauseas. Como todo organismo , nem tudo que faz mal pra um produz mesmo efeito a outros , e essa a razão pela qual algumas gestantes nao sentem absolutamente nada na gravidez.
Esse é só o primeiro mês , ainda temos um longo e maravilhoso caminho pela frente , são nove meses de pura e intensa produção de enzimas ,células , orgãos e tecidos que revestirão o organismo .
Continuamos no proximo fascículo.

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Serie :Vida no Ventre


O Pensador leva-nos a uma viagem magnífica ao centro do ventre materno e assim vamos falar sobre a Vida no Ventre.

A Série será exposta em fascículos , com linguagem de facil interpretação , através de breves resumos descorridos pela enfermeira Isabel Teixeira especialista em Obstetricia pela UFSCAR de São Carlos SP. Atuando na Maternidade da Santa Casa de Araraquara SP.

A Concepção.

Toda mulher saudável tem seu período fértil , onde seu organismo se prepara para formar uma nova vida. Isso se dá alguns dias depois do período chamado mestrual , onde o útero se descamando deixa se desprender as camadas internas em forma de fluidos de sangue por via vaginal.
O espermatozóide encontrando com o óvulo após esse período , se fundem e começam a formar um embrião com as características do homem e da mulher que o gerou. Esse é o grande momento chamado concepção. Momento sublime onde a vida se origina. Muitos espermatozóides gostariam de entrar no óvulo e se juntar ao mesmo e formar o ovo humano , porém somente um em meio a milhões consegue essa façanha.O coração do embrão é um dos primeiros orgãos a ser formados e seus batimentos ja podem ser vistos ou percebidos através de ultrassonografia após alguns dias. Então da-se inicio ao grande mistério da vida e de um modo terrível e maravilhoso tudo é formado dia após dia . Grandes cientistas ja tentaram sondar o desenvolvimento embrionário , mas ainda existem estruturas e mistérios que nao conseguiram ser desvendados .Isso é lindo. Ninguem melhor que o próprio autor da vida pra saber sobre ela.

Continuamos no próximo fascículo.

'O Pensador também é cultura '

quarta-feira, 15 de setembro de 2010

Lady Gaga causa polemica.


A cantora de 24 anos, conhecida por sua extravagância e por seus 'hits' planetários, foi o centro das atenções no domingo em Los Angeles, ao abocanhar oito prêmios e subir no palco usando um vestido feito com pedaços de carne crua.

Além do vestido, a polêmica cantora usava sapatos de salto alto de carne, um bife em forma de chapéu e uma bolsa de mão, também feita de carne, que ela entregou à cantora Cher no momento de receber o prêmio de melhor vídeo por "Bad Romance".

"Lady Gaga passa por maus momentos tentando chamar a atenção", considerou a associação Peta, que luta contra os maus tratos aos animais. "Alguém devia dizer a ela que o açougue tende a repugnar mais do que impressionar".

"O bife é a carne em decomposição de um animal mal tratado, que não queria morrer, e depois de um tempo sob os holofotes, deve ter cheirado como carne em decomposição e ficado cheio de vermes", acrescentam os porta-vozes da associação.

Lady Gaga explicou na segunda-feira em um 'talk-show' americano que essa roupa podia gerar "várias interpretações".

fonte . http://cade.search.yahoo.com/search?cs=bz&p=lady+gaga&fr=fp-tts-707&fr2=ps

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

O Poder da Música


O Pensador pensando bem diz:
É muito comum encontrar pais que não se importam que seus filhos passem horas ouvindo Rock a todo volume, porque consideram que "não há mal nenhum nisso". Eles, quando eram moços, se acostumaram (ou viciaram) a ouvir talvez músicas românticas ou canções sensuais de jazz. Tocavam-nas quando seus filhos eram pequenos. Agora, os jovens cresceram e inconscientemente tiraram as conseqüências dos princípios musicais e educativos que receberam: ouvem apenas Rock.
Do romantismo sentimental ao Rock frenético,passando pela etapa intermediária do jazz sensual, há uma lógica coerente que a alma percorre, ainda que inconscientemente.
O próprio Rock registra, com maior velocidade porém, estas mesmas etapas em seu caminho. Tendo começado com músicas e letras sentimentais, logo chegou ao frenesi e ao abismo do mal.Não é por acaso que a canção considerada o "hino oficial" do Rock - "Stairway to Heaven" - passa também, por essas fases: sentimental, sensual, frenética. (Outras razões houve para designar-se essa canção como o "hino" do Rock. Nós as examinaremos mais adiante).
É também comum encontrar jovens que,informados do que significam as letras das canções que ouvem, afirmam que não entendem suas letras, que se interessam apenas pelo ritmo ou, bem raro, pela "melodia".
Não se apercebem de que a música tem profundos efeitos na alma humana. É evidente que ao ouvir ou ler esta afirmação eles a põem em dúvida. Entretanto, reconhecem que o Rock os entusiasma e os deixa euforicamente excitados. Têm que reconhecer também que há músicas próprias a filmes de terror, que inclinam a alma para o medo do desconhecido. Que há outras que são compatíveis com cenas amorosas e sentimentais. Não poderão negar que certas músicas produzem melancolia e tristeza, outras despertam alegria, outras ainda entusiasmo.
A música, portanto, é criadora de estados de alma, os quais fazem nascer idéias correlatas em nossas mentes. Quem permite que uma música crie em sua alma um estado de melancolia e tristeza naturalmente terá tendências à tristeza e à melancolia, por isso mesmo, idéias melancólicas, tristes e pessimistas.
Fica então patente que uma canção, por si só, sem levar em conta a sua letra, cria estados de ânimo e suscita idéias.
Tinham pois muita razão os filósofos gregos ao darem à música um importante papel na educação e formação dos jovens. Aristóteles prevenia que "pelo ritmo e pela melodia nasce uma grande variedade de sentimentos" e que "a música pode ajudar na formação do caráter" e que "se pode distinguir os gêneros musicais por sua repercussão sobre o caráter. Tal gênero, por exemplo,leva à melancolia, tais outros sugerem o desânimo ou domínio de si mesmo, o entusiasmo ou alguma outra disposição já mencionada.
(Citação de Aristóteles - apud W. Matt -Le Rock'n Roll, instrument de Revolution et de subversion culturelle - EdSt. Raphael Sherbrooke, Quebec, 1981 pág. 6)
Platão é ainda mais claro. No diálogo República, ele adverte que a música forma ou deforma os, caracteres de modo tanto mais profundo e perigoso quanto mais inadvertido. A maior parte das pessoas não percebe que a música tem o poder de mudar o coração dos homens, e que assim, pouco a pouco, molda a sua mentalidade. Mudando as mentalidades, a música termina por transformar os costumes, o que determina a mudança das leis e das próprias instituições. Por isto dizia Platão que é possível conquistar ou revolucionar uma cidade pela mudança de sua música.
"Toda inovação musical é prenhe de perigos para a cidade inteira"... "não se pode alterar os modos musicais sem alterar, ao mesmo tempo, as leis fundamentais do Estado". (Platão, República, Livro III)
Para Platão, a educação musical é a mais poderosa, porque permite introduzir na alma da criança, desde a mais tenra infância, o amor à beleza e à virtude. A pessoa bem educada musicalmente mais facilmente perceberia a beleza e a harmonia. E como não há amor sem ódio, ela também odiaria o feio e o mal. E pergunta Platão:"Não saberá (tal pessoa) louvar o que é bom, receber o bem com deleite e, acolhendo-o na alma, nutrir-se dele e fazer-se um homem de bem,ao mesmo tempo que detesta e repele o feio desde criança, mesmo antes de poder raciocinar? E assim quando chegar a razão, a pessoa educada por essa forma a reconhecerá e acolherá como uma velha amiga". (Platão,República, Livro III)
Bem educados musicalmente, continua Platão, os jovens crescerão numa terra salubre, sem perder um só dos eflúvios de beleza que cheguem aos seus olhos e ouvidos, procedentes de todas as partes, como se uma aura vivificadora os trouxesse de regiões mais puras, induzindo nossos cidadãos, desde a infância a imitar a idéia do belo, a amá-la e a sintonizar com ela. (Platão, idem, ibidem.) Por isso, conclui Platão, não se deveria permitir que os artistas exibam "as formas do vício, da intemperança, da vileza ou da indecência, na escultura, na edificação e nas outras artes criadoras... " Não admitiremos que nossos guardiões cresçam rodeados de imagens de depravação moral, alimentando-se, por assim dizer, de uma erva má que houvesse nascido aqui e ali, em pequenas quantidades, mas dia após dia, de modo a introduzirem, sem se aperceber disso, uma enorme fonte de corrupção em suas almas". (Platão, idem, ibidem)
Platão insiste no poder insinuante da música de agir sem ser percebida, a ponto de conseguir destruir ou revolucionar uma sociedade, "pois é aí que a ilegalidade se insinua mais facilmente, sem ser percebida...sob forma de recreação, à primeira vista inofensiva".
"Nem, a princípio, causa dano algum, mas esse espírito de licença depois de encontrar um abrigo, vai-se introduzindo imperceptivelmente nos usos e costumes; e daí passa, já fortalecido, para os contratos entre os cidadãos, e após os contratos, invade as leis e constituições, com maior impudência, até que, ó Sócrates,transforma toda, a vida privada e pública". (Platão, República,Livro III)
É tão verdadeira essa análise do grande filósofo grego, que ela se aplica perfeitamente ao que aconteceu com os costumes de nossa sociedade. Até parece tratar-se de um autor atual descrevendo o que ocorre em nosso tempo.
Portanto, a música pode ter um salutar efeito formador ou pode ser destruidora.
Evidentemente, como é mais fácil destruir do que construir, os efeitos da música daninha são mais rápidos e eficazes que os da boa música. A corrupção estética e moral, embora degrau por degrau, vai mais rapidamente até os mais profundos abismos, do que a virtude em sua ascensão até os píncaros do heroísmo e da santidade.
Nesse trabalho de deformação e corrupção feito também através da música, no século XX, devemos salientar o papel do liberalismo que considera tudo pelo lado positivo e que, por isso, julga que nada deve ser proibido. O liberalismo é a "tolerância institucionalizada não só em certos casas ditas de "tolerância" como na própria sociedade. O liberalismo é o sistema da "tolerância". Por isso, os pais liberais permitem que os filhos tudo ouçam, sem qualquer restrição. Ora, à força de tudo ouvir, acaba-se por tudo aceitar, à força de tudo aceitar, acaba-se por tudo aprovar". (in Walter Matt, op. cit., pág. 22-23, nota 17 do tradutor, parodiando palavras de Santo Agostinho).
A aceitação do mal, a convivência com ele, leva o liberalismo, no fim, a aprovar todo vício, todo crime, todo absurdo, toda monstruosidade. Foi assim que a arte moderna ajudou a deformar o século XX. É assim que o Rock dominou a juventude mundial de nossos dias. Se há 50 anos tivessem dito que os netos dos fãs de Frank Sinatra iam ser entusiastas do "Black Sabbath" ou do grupo "Possessed", ninguém acreditaria. Mas, como a decaída se deu, degrau por degrau, até o abismo, todo o liberalismo aprovou.
Porque:
"Vice is a monster of so frightfull mein
As to be hated needs but to be seen
Yet seen too oft, familiar with his face
We first endure, then pity, teh embrace"

(Alexander Pope)
("O vício é um monstro de aspecto tão horrível
que basta vê-lo para detestá-lo
Mas olhá-lo por demais acostuma-nos com seu rosto
Tolerado inicialmente, em seguida nos dá pena por fim se o abraça".)
Esse foi o caminho da juventude face ao vício e à música no século XX.

Fonte: http://www.montfort.org.br/index.php?secao=cadernos&subsecao=arte&artigo=rock0&lang=bra

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Smilinguido e o público infantil






















O Pensador tambem é cultura ....


O Smilinguido foi criado durante a década de 1980, e veio dos desenhos de Márcia D`Haese que criou junto com Carlos Tadeu a formiguinha e seus amigos. O objetivo principal foi espalhar os ideais cristãos de uma forma diferente. Na história da personagem e de seus amigos eles recontam episódios e passagens bíblicas ensinando lições sobre o poder de Deus perante o homem. Os personagens centrais da estória são as formigas, entre as mais queridas estão: o Smilinguido, Faniquita, Pildas, Piriá etc. Uma característica interessante é que as personagens possuem características peculiares e vêm de regiões do Brasil, como por exemplo, o Sul (com o amigo do Smilinguido, o Piriá) e Nordeste (como o Pildas que come farinha de rosca).
http://www.artigonal.com/educacao-infantil-artigos/smilinguido-deixe-esta-formiguinha-encantar-voce-2420657.html

sendo assim a figurinha do smilinguido e sua turma incentiva , desperta o pensamento positivo nas mentes infantis, parabens aos seus idealizadores.